segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Dança do ventre

mode on :).
Sábado depois de um dia em casa, surge mais uma x a duvida se vá ou não reiniciar as aulas de dança do ventre... Sempre indecisa e condicionando a minha decisão às miudas, aos planos para Sábado... Mais um Sábado se passaria e eu naturalmente não iria... não fosse uma rapariga que conheci nos tempos que andava no ginásio que está a passar momentos dificeis e porque é-me impossivel socializar sem pressão de horários reduzidos, acabo por consentir-me ir! Esperava tb a "aprovação" do meu marido, pq afinal é ele, e sempre ele que fica e cuida delas e sinto isso como uma sobrecarga para ele. Ainda para mais já tinha saido de manhã com as miudas sozinho ao mercado, para eu orientar a casa e treinar!
Decisão tomada à ultima da hora, saio para começar a aula às 6 da tarde. Levo no bolso os beijos das minhas filhas que tomavam banho na altura e caminho com o espirito pesado por ir!
Chego lá, revejo algumas pessoas, a professora e entro no espirito e deixo fluir o corpo... logo o estado de espirito se altera, e sinceramente, isto faz-me falta!  Pensei que por ser dança do ventre e não zumba ou ginásio, que isso não se refletisse fisicamente, porém tenho as perninhas todas maçadas e o abdomen é certamente exercitado nesta dança, pelo que me senti satisfeita com a decisão que tomei.
Pouco depois o meu marido apareceu com as meninas e a Carmen aguentou-se 1 hora junto a mim, a ouvir com muita atenção a professora e a dançar! A pequena que não tinha dormido a sesta quase caia para o lado, mas sai às 8 da noite, dps de uma maratona para deixar jantar preparado, cozinha limpa e tdo pronto para que nada falte por casa, sentámo-nos à mesa e dps foram para a caminha e dormiram um sono descansado. Graças a Deus!


1 comentário:

Maggie disse...

ai Carla pois imagino, as minhas ja estao mais crescidas e agora sinto vontade de voltar a ser eu, afinal ja passaram quase 7 anos ...

Bjos
Maggie