terça-feira, 17 de dezembro de 2013

UMa crise

tão grande de enxaqueca como há muito não tinha :(. Ontem não me valeu o paracetamol. Também pensei que estas moinhas não fossem evoluir para algo tão forte...
Andei todo o dia desconfortável, sem vontade de fazer o que quer que fosse e quando me vejo impedida de treinar o meu humor fica logo parvinho como o tempo.
Fomos finalmente fazer os testes auditivos. Lá dentro já não sabia como me por, já só me apaetecia era vomitar.
Moral da história: a C está com perda auditiva no ouvido direito por conta de liquido que tem no ouvido interno.... portanto, à partida, as queixas que apresenta são normais. A técnica disse-me que em termos audiométricos o que não ouve é insisgnificante, mas que, deve ter otites serosas de repetição que, são dificeis de diagnosticar porque não apresentam grandes sintomas... Neste momento tem o ouvido interno cheio de liquido e portanto não sei.
Passo seguinte: otorrino. Segue já ao almoço depois da festa de Natal da pré.
Eu ontem vi o diabo e o caminho de regresso foi feito não sei como. Parei na farmácia, pedi um copo de água para colocar o efervescente e em casa fui direto para a cama. Valeu o marido que as deitou.
Agora vou para a festa.
Logo trago as noticias do médico.
Afinal há qualquer coisa.... é que a experiencia profissional ensinou-me que, antes de traçar qualquer tipo de diagnóstico, temos que descartar as hipóteses orgânicas.
fui

3 comentários:

Maggie disse...

Tal e qual o que me disseram da Madalena, também teve otites em pequena, tinha liquido no ouvido, o que não ouve também não justifica a paradez e as vezes que não responde. Também fui ao otorrino, mandou lá voltar 6 meses depois para ver se era preciso operar. Não voltei, ele não se queixa, não lhe dói não a vou sujeitar a uma operação, sim que eles perguntam logo se temos seguro de saúde para operar.
Mta calma e muita paciencia que isto de ser mãe ainda vai no inicio.
Mil beihjinhos

Margarida

Marta FG disse...

As melhoras, então! Beijnhos.

Joaninha Musical disse...

Ui ui as enxaquecas são super desagradáveis. Tenho uma pessoa na familia que sofre disso e ela vive num constante tormento,é muito complicado de suportar uma enxaqueca. Beijinhos e as melhoras para ti.